Exercício e o Respeito pelo teu Corpo

Hoje trago-te um tema diferente, mas que para mim faz todo o sentido numa vida mais consciente, o cuidado da mente só é completo quando tratamos do nosso corpo, que é a nossa Casa neste plano!

O nosso equilíbrio depende muito do cuidado destas duas vertentes em nós, e confesso que só mais recentemente percebi isso, sempre fui a miúda que odiava educação física, era a última em praticamente tudo… Isto fez com que desde cedo, desistisse um pouco deste cuidado! O mais próximo de um desporto que chegai a praticar foi a natação, mas com escola e falta de tempo acabai por desistir também. Então quando entrei para a faculdade tive muito tempo sem praticar nada, ainda tentava aqui e ali qualquer coisa, mas acabava por desistir novamente.

No entanto, o meu despertar mostrou-me que precisava de me cuidar de uma forma geral, foi aí que comecei a encarar o exercício de outra forma, não sou uma “atleta” estou bem longe disso foi muito tempo sem fazer nada, por isso é normal que demore tempo, este é um processo de respeito e de conhecimento do nosso próprio corpo, das suas limitações, da sua capacidade e da sua evolução.

O exercício físico é muito mais que correr, saltar ou nadar, ele pede-nos um respeito por nós próprios, pois nem sempre estamos prontos, existem dias que temos que descansar e respeitar o estado da nosso Corpo… Por isso não treino todos os dias, por isso não treino sempre com a mesma intensidade, por isso respeito quando o meu corpo me pede descanso!

Hoje sei distinguir a preguiça, de um corpo cansado. Hoje o meu corpo sente a necessidade de se mexer e preciso mesmo de uns momentos para me exercitar, nem que seja uma caminhada, 20 ou 30 minutos de exercício cardiovascular ou muscular!

Exercício e o Respeito pelo teu Corpo

Se tu, tal como eu tinha, tens muitas dificuldades em fazer exercício vou deixar-te algumas dicas:

  • Se estás a começar vai aos poucos, quando decides começar logo com tudo é muito provável que te desmotives, pelas dores e cansaço extremo, por isso começa por treinos curtos e caminhadas, para começares a habituar o teu corpo aos poucos.
  • Para quem está a começar também é importante arranjares alguém que treine contigo, seja um pequeno grupo ou até só uma pessoa, isto vai fazer com que te comprometas verdadeiramente e acaba por ser mais divertido, com o tempo ganhas o habito e acabas por começar a treinar sozinho também e arranjar a tua própria motivação, mas no início é sempre importante ter alguém que nos apoie ou esteja a querer o mesmo que nós.
  • Começa a entender o teu ciclo, esta é para as mulheres, durante o nosso ciclo menstrual temos dias em que estamos mais frágeis e cansadas, e esses são os dias que devemos descansar, geralmente são os dias da menstruação e um ou dois dias antes dela chegar, podes descansar ou optar por pequenas caminhadas.
  • Conhece o teu corpo, percebe se são dores musculares provocadas pelo exercício ou algo mais que deves descansar para não provocar uma lesão, é preferível parares uns dias do que seres forçado a parar por muito mais tempo.
  • Vais começar a perceber uma evolução na tua forma física e podes desafiar-te mais, contudo cuidado para não caíres no erro de perderes o respeito pelo teu corpo e acabares por desistir por estares a realizar demasiado esforço.
  • Treinar em casa: tens vários vídeos no Youtube gratuitos, mas caso queiras algo mais já existem subscrições de aulas online, quanto ao material basta um tapete, umas garrafas e/ou garrafões de água e tens os teus próprios pesos, depois os teus degraus podem ser o teu step, ou então podes usar uma cadeira ou aqueles escadotes com dois degraus mais estáveis.
  • Motiva-te com músicas bem mexidas que te façam querer mexer o corpo, podes até fazer treinos de dança livre ou zumba para te divertires, enquanto te mexes.
  • Define um horário e os dias em que vais fazer exercício, para que nada te estrague o plano, no entanto já me aconteceu por algum motivo não conseguir naquele dia e naquela hora, seja por algum imprevisto ou por não me sentir bem, então tento sempre aceitar a situação e adiar para o dia seguinte ou para outra hora.
  • Foca-te no teu bem-estar e não no teu peso ou aspeto, é óbvio que serão beneficiados, no entanto leva tempo, não é imediato, e a nossa cede e pressa de resultados leva-nos a desistir… Por isso começa a focar-te no meu bem-estar, no facto de não teres tantas dores, de te mexer mais facilmente, de te sentir com mais energia e saúde.

O mais importante é respeitares o teu Corpo e criares o hábito, depois disso acredita fazer exercício começa a ser necessário para equilibrares melhor as tuas energias, a tua mente e teu corpo!

Pode ser simples, leve e com Amor e Respeito por ti Próprio

Lê também: Casa

5 Práticas de Relaxamento

Hoje trago-te um texto leve para relaxares um pouco da correria, da realidade e da loucura que vai lá fora!

Muitas vezes só queremos um momento para nós, para nos ouvirmos e ouvirmos o universo, hoje decidi trazer-te 5 práticas de relaxamento que costumo fazer, para me conectar comigo e com o universo e para sossegar a mente.

5 Práticas de Relaxamento

1 – Meditar

Há uns anos que tentava meditar, mas nunca conseguia criar o hábito, a minha mente saltitona não conseguia sossegar e eu começava a pensar que não era capaz de chegar a essa quietude interna.

Há uns tempos percebi que meditar não é desligar e sair para fora, meditar é acolher aquilo que nos vêm a mente sem julgar e vir para dentro, o que me acontecia antes é que ficava muito frustrada por me surgirem pensamentos, isto levava ao surgimento de cada vez mais pensamentos, muitos de autocrítica e inferioridade em relação a mim…

Mas hoje venho te dizer, meditar não é ausência de pensamentos, pelo contrário vêm muitos, alguns bastante importantes e outros que devem ser acolhidos e deixados ir com suavidade, para não entrarmos na espiral de culpa e não merecimento.

Ao iniciares uma rotina meditativa viram muitos pensamentos pouco importantes como: “tenho que ir fazer o almoço”, “tenho que ir lavar o carro”, “tenho que levar o cão a rua”, “tenho que ir dar banho aos miúdos”… Mas acredita aos poucos vais treinando a tua mente inquieta a sossegar, e isso irá permitir a abertura do teu canal sagrado entre o céu e a terra e as mensagens de Luz começaram a chegar, por isso não desistas, o treino irá permitir-te uma maior quietude, mas haverá sempre pensamentos.

Um bom começo pode ser a Meditação – Foco na Respiração, é uma meditação curtinha feita por mim, para te iniciares em dois pontos importantes da meditação a tua própria respiração e presença no aqui e agora.

2 – Observar

Gosto muito de observar especialmente a natureza, ela tem mensagens lindas e divinas para nos transmitir. A cada sopro do vento, a cada passarinho a cantar, a cada árvore e animal que nela habita.

Podes observá-la da tua janela, ou dando caminhadas em consciência e conexão com a mesma, isto irá estimular também a tua conexão com a tua divindade e verdade interna.

Outra forma de observar é ler ou observar histórias e situações para perceber a diversidade que existe no mundo, por vezes ao ouvirmos ou lermos certas histórias podemo-nos identificar com ela ou perceber que a nossa realidade é bem mais fácil que aquilo que pensamos.

Algo muito importante é observares-te a ti próprio, olhares te ao espelho ou observares o teu interior as tuas dores, as tuas feridas, as tuas cicatrizes, as tuas vitórias, a tua beleza individual, a casa que sustenta essa alma, amando-a, acolhendo-a e cuidando-a.

3 – Escrever

Esta é uma das minhas grandes terapias, tanto para tentar passar informação, como para exprimir as minhas emoções.

Talvez não saibas, mas uma das páginas deste Blogue começou por ser uma maneira de expressar a dor que senti em determinado momento da minha vida (Pedaços de Ti). Depois da morte da minha Mãe, decidi prestar-lhe uma homenagem e comecei a escrever-lhe todos os meses, era uma maneira de remover aquela dor e hoje vejo que era um momento de pura conexão com o seu espírito amoroso. Por vezes ainda lhe escrevo, agora em forma de amor e reconhecimento, mas acredita esta pode ser uma poderosa maneira de te descobrires e reinventares.

Escreve as magoas, o que te atormenta e prende, e através desses textos podes ver a forma de mudar e volta a escrever. Depois convido-te a escreveres as bênçãos, os agradecimentos e a felicidade, pois estes sentimentos geram abundância e quando expressos são a chave para abrires o peito em amor e gratidão pelas pequenas coisas da vida.

4 – Ouvir Música

Sempre adorei música e desde que descobri que o som é um grande potenciador da limpeza da alma, tenho cada vez mais procurado músicas poderosas que abrem o nosso campo energético à cura e equilíbrio.

Muitas vezes quando me sinto mais em baixo, ou sem energia como se algo estivesse fora do sítio, permito-me ouvir algumas musicas que me equilibram e trazem paz.

Algumas músicas que te sugiro: Passarinho – Rainer Scheurenbrand; Ave Maria – Sounds of Ashana; Cuatro Vientos – Danit; Remember – Omkara; Now we are free – Gladiador.

5 – Banhos conscientes

Este é um processo que faço a pouco tempo, mas que se tem revelado muito transformador, a água é uma poderosa forma de nos purificar é um dos elementos divinos da natureza, sempre que sinto aquele stress e desequilíbrio permito-me tomar um banho consciente.

Consiste em intuir que tudo aquilo que não me pertence ou que não me faz mais falta seja limpo pela água, podes fazê-lo em banhos em casa, em banhos de mar ou de rio. Toda a água tem esse poder, basta intuíres e acreditares no seu poder.

Depois destes banhos sinto-me revigorada e leve, não é preciso todo um ritual, basta intuir, acreditar, estar presente naquele momento e sentir a água a levar tudo.

🙏 Mãos Juntas Emoji

Curso Reconectar

No passado domingo dei-te esta mega novidade, vamos ter um curso totalmente gratuito através do Telegram e do Facebook!

Quando escrevi o E-book Reconectar pensei que ia conseguir transformar vidas, mas percebi que dar vida a este projeto através de aulas seria mais fácil para sentirem a energia e a verdade da mensagem, por isso decidi criar este pequeno Curso Reconectar para vocês poderem transformar efetivamente esta mensagem em algo real na vossa vida.

Ao longo dos últimos meses vivi um grande misto de emoções descobri muito sobre mim, e tu podes fazer o mesmo e eu quero guiar-te nesse caminho! Tive que arrumar, ressignificar, acolher, perdoar, amar, chorar e sobre tudo tive que me conhecer, e para isso é preciso voltarmos a nós próprios… Procuramos muitas vezes fora de nós aquilo que somos, mas acredito que todas as respostas estão em Ti, somos nós que damos sentido a nossa vida, somos nós que assumimos a maneira como vemos o que está nossa volta.

Por isso o Curso Reconectar vem para te ligares a Ti, para voltares a tua Casa que tudo sabe, transforma e vê! Para voltares a sentir essa alma que te guia, essa luz que tens dentro de ti e poderes brilhar sem ofuscar ninguém, porque o verdadeiro Brilho é aquele que ama e transforma…

Este será apenas um início, porque não existem formulas mágicas, este é um trabalho diário, constante e para toda a tua vida, quero dar-te pequenas formas que resultaram comigo que me transformaram, mas a transformação é continua e pede responsabilidade e disponibilidade para te ouvires todos os dias!

Curso Reconectar

4 Aulas + 1 Live

5 Meditações

E Conteúdos Extra para o teu processo de Reencontro e Reconexão

Como algumas pessoas expressaram dificuldades em aceder ao Telegram, o Curso será dado na totalidade no Facebook, no entanto os áudios das meditações e conteúdos extra serão na mesma colocados no Telegram. Por isso quem quiser pode ter acesso ás duas comunidades, como preferires.

Podes inscrever-te já!

Inscreve-te pelo Telegram

Inscrever pelo Grupo do Facebook

Caso tenhas alguma dúvida não existes em Contactar-me

E-book Reconectar

Reconectar é o ato de nos voltarmos a ligar a algo, e eu tenho sentido a necessidade de me ligar a mim mesma. Parece estranho, mas a verdade é que andamos muito desligados daquilo que somos, vivemos a vida em piloto automático, e foi isso que me propus a mudar.

Ser mais consciente do que faço, de como me sinto, de como lido comigo própria e com os outros, decidi seguir as minhas paixões e encontrar o meu propósito neste mundo. Mas esse processo não é fácil e acredito que é para vida, por isso com base no que resultou comigo, decidi criar um guia de como desacelerar e reconectarmo-nos com o nosso verdadeiro Eu.

E assim nasceu o meu E-book Reconectar!

O e-book Reconectar é completamente gratuito, e aborda os 5 passos para nos encontrarmos e vivermos de acordo com o nosso alinhamento. Esta transformação é necessária para sermos mais felizes e vivermos na nossa verdadeira pele.

Se sentes o chamamento de voltares a tua verdadeira casa, convido-te a ler este e-book, é curtinho e com exercícios práticos numa abordagem muito realista de quem só está a começar.

Feito com muito Amor, espero que te ajude e partilha comigo a tua história, assim como a tua opinião sobre o e-book Reconectar!

Vamos voltar a Casa Juntos?

Casa

“Eu sou a tua casa, aquela que por vezes maltratas e odeias, eu permito-te mexeres-te, expressares-te e que funciones como um ser vivo, sou capaz de coisas extraordinárias! No entanto, eu não sou perfeito, erro por vezes, tenho problemas… Mas se tu me maltratas isso só vai piorar, vou começar a errar mais e mais e por vezes posso parar sem aviso prévio…

Não te garanto que cuidares bem de mim te vai dar anos de vida, mas se tentares é bom para os dois! Sei que não depende só de ti, existe muita poluição no ar que respiras e muitos químicos naquilo que comes para me alimentar…

A casa de todos nós está contaminada e isso está a espalhar-se pelos rios, oceanos, solos e ar! Mas se me deres bons nutrientes, posso tentar lutar melhor contra elas, tu nem sabes o poder que a natureza tem escondido dentro de si, a terra dá-nos coisas maravilhosas!

Só depende de ti me amares, só depende de ti cuidares de mim! Sei que por vezes não digno de uma capa de revista, mas eu sou assim ama-me, escuta os meus pedidos de ajuda! Só quero que sejamos felizes um com outro, porque vamos estar juntos até que a morte nos separe!”

Uma carta do teu Corpo