Visão de Mundo Quântica

Para quem não sabe eu venho de uma área científica, onde tudo tem uma explicação e já se conhece o padrão das coisas… Mas confesso que eu sempre fui do contra e acho que nem tudo tem uma explicação lógica, por isso sempre me interessei pelo misticismo, a mente humana e a sua força, e quando ouvi falar da Visão de Mundo Quântica que se apoia em dados científicos para provar aquilo que a ciência clássica diz ser impossível, interessei-me imenso pelo tema!

Então decidi estudar mais um pouco sobre ela, para poder explicar um pouco mais aos mais séticos o meu ponto de vista.

A Visão de Mundo Quântica baseia-se na Física Quântica, esta física estuda as partículas de menores dimensões, abaixo da escala atómica, e estas partículas tem um comportamento diferente das estudadas pela física clássica. No entanto, algo bem interessante de se perceber é que estas partículas são a base das partículas de maiores dimensões, por isso pode se dizer que elas são base da matéria como a conhecemos, mas na sua forma mais simples comportam-se de maneira diferente.

E acho que só isto já dá que pensar, afinal a base de tudo tem um comportamento diferente daquilo que nós acreditávamos ser o padrão, e muitas vezes o comportamento é tão diferente que nem sequer se conseguiu definir modelos matemáticos para o descrever, ou seja, é completamente desconhecido.

Foto de Halacious no Unsplash

Visão de Mundo Quântica

Na Visão de Mundo Quântica, acredita-se que a consciência está na base de toda a existência, ou seja, existe uma Consciência Una que nos rege, e que nos criou a partir dela, por isso nós somos expressões dessa mesma Consciência no plano Material, e tudo o que existe no plano material é consciência, mesmo os objetos, pois eles só existem porque nos os vemos e cocriamos na nossa própria consciência!

Nesta Visão de Mundo não existe separação, nós somos todos parte dessa Consciência Una, não estamos separados dela, nem dos outros Somos Todos Um. Existem infinitas possibilidades uma vez que a trajetória dos eletrões não é definida matematicamente, o que nos permite ter livre arbítrio para escolhermos e interferir na nossa realidade, a nossa consciência no aqui e a agora e as escolhas que fazemos leva-nos a uma realidade, mas nós podemos mudá-la se decidirmos mudar.

A Visão de Mundo Quântica permite ainda explicar fenómenos de telepatia ou comunicação sem sinal, porque dois eletrões conectados, mesmo que muito longe um do outro, respondem ao movimento de um deles de forma instantânea, o que sabemos que na comunicação com sinal é impossível, pois existe sempre um atraso na resposta, no entanto sem sinal essa comunicação é possível e instantânea. Para além disso, o salto dos eletrões entre orbitais, mostra-nos ainda o princípio da descontinuidade, os eletrões não precisam de um caminho apenas aparecem noutra orbital ao receberem energia, isto mostra-nos os nossos saltos de consciência, os chamados saltos quânticos, que são momentos de surgimento de ideias, de um maior entendimento, de processos criativos ou até curas espontâneas.

Se gostavas de saber mais e retirar as tuas dúvidas sobre este Tema, segue-me nas minhas redes sociais, por lá partilho vários conteúdos onde falo desta temática e podem sempre deixar as vossas questões.

Lê também: Resgata o teu Poder Pessoal

Questiona

O mundo em que vivemos está cheio de crenças e leis, deixadas por outros, alguns nem conhecemos, mas seguimos sem questionar porque socialmente é esse o nosso dever, seguir sem questionar, sem pensar e sem refilar…

Eu acredito que existe um Deus/Deusa, eu acredito que somos suas sementes e sua parte, eu acredito que dentro de cada um de nós existe a divindade, que apenas pode ser vivida na verdade e no amor.

No Dia da Mãe senti estas palavras dentro de mim “Sagrado é dar a Vida”, e isso fez-me refletir nos padrões que existem… Na religião muitas vezes se fala do pecado que é a sexualidade e “que o pecado tem que sair”, isto fez-me perceber que segundo estas crenças já somos culpados à partida, somos todos frutos do pecado.

Mas não, não é nada disso, não somos culpados, nem somos frutos do pecado. Somos corajosos por querer encarnar na matéria e curar as nossas feridas, querer evoluir a partir de um corpo que nos transforma! Então porque é que sempre ouvimos que Deus condenava o sexo? Porque desde sempre era o homem a falar, era o homem a culpar-nos pela nossa própria existência, para poder exercer o seu controlo sobre a nossa individualidade, para poder criar a separação, o ódio e o julgamento…

Deus ou como lhe queiram chamar, não têm a culpa de que as religiões estejam cheias de dogmas e maldade, porque não é Ele que lá está, mas sim o Ego e a cede de poder e controlo do homem, o controlo pela culpa, pela separação e pela superioridade!

Temos que questionar, temos que pensar e temos que buscar dentro de nós a semente que Ele nos deixou! Essa semente leva-nos à verdade e ao seu verdadeiro amor. E não, não há um Deus castrador e castigador, ele vibra no AMOR e não na dor e na culpa!

A que saber distinguir a vontade do Divino da vontade do Homem que apenas quer controlo sobre nós e separação… Questiona e leva LUZ às sombras, busca em Ti todas as respostas e verás a verdade e o Divino.

Foto de Altınay Dinç no Unsplash

Questiona, acredita e lembra-te Tu és semente!

Lê também: Tu és Divino

Tu és Divino

O divino está dentro, dentro de ti e dentro de todos nós…

A divindade está em cada um nós, mas muitas vezes todas as tuas máscaras não te permitem vivê-la! Fala-se muito de espiritualidade e ela nada mais é do que vivermos o nosso divino, não há macumbas, não há vestes especificas, um Deus específico ou uma forma de vida mais correta…

Ser divino é ser real, é viver na verdade da tua própria essência e brilhares sem ofuscares os outros! Não é oculto está em ti, e em todos nós, a espiritualidade é autoconhecimento, verdade, gratidão e aceitação.

Acho que muitas vezes confundimos conceitos, criamos caixas e tentamos colocar cada um na sua, mas na realidade ser espiritual não tem roupa, género, raça, religião, crenças, ou um publico específico. Não é apenas a igreja que define a tua espiritualidade, tu também és um ser divino que deve ser lido, escutado e sentido, não é as vestes brancas ou negras que definem a tua energia boa ou má, não é a tua forma de viver ou de alimentação que definem o quão sabes a mais que os outros!

Primeiro que tudo para chegares a tua divindade é preciso fazeres um caminho por ti próprio, dentro de ti para ti, o caminho pode ser longo e difícil, mas não existe uma receita sem ser o amor e a compaixão. Dentro de ti tens toda a dor, a tua e a dos outros, uma dor que vai ser difícil de reviver mas que vais ter que aceitar, porque a dor pode ser transformada em dom!

O dom da aprendizagem, do crescimento e da luz. Podes pedir que alguém te guie, mas o caminho tem que ser feito apenas por ti. Reviver e aceitar tudo aquilo que não és, todas as máscaras que colocaste, toda a dor que não te permitiste sentir para realmente poderes chegar a quem és de verdade!

Tu és Divino

Encontra as respostas no teu interior e aprende a aceitar, a agradecer, a amar e a não oprimir! Podes ouvir os outros, mas não te deves mover segundo eles, mas sim segundo o que o teu coração te diz… Sabendo sempre que somos todos diferentes, e a nossas fases e experiências podem ser distintas, no entanto estamos todos unidos e fazemos todos parte do mesmo universo, por isso todos podemos ser o que realmente queremos.

Ser divino é seres Real!

Lê também: E-book Reconectar